Jorge Fernando é um dos compositores e autores mais cantados neste país.  Amália, Ana Moura, Fernando Maurício, Mariza? Todos eles deram voz e sentimento às palavras e música de Jorge Fernando. Agora está na altura de ouvir com atenção o homem que tanto deu a muitos. Jorge Fernando, em nome próprio e alma própria, com o fado a servir-lhe de vida, outra vez.

Vida é uma colecção de dezasseis retratos musicais e poéticos sobre o espírito dos dias. Sobre o amor, visto como sexo ou como o ultimo refúgio maternal (conforme, por exemplo Morrer-me devagar e Colo de Mãe, respectivamente); ou sobre o olhar indignado de quem vê o abandono dos que nasceram do lado incerto da vida (Fado da Triste Stripper, Bela Adormecida). Vive do aqui e agora mas fala do que sobrevive ao tempo. É contemporâneo e eterno. E sim, é fado.